Aniversário de 56 anos do CRO-DF, palavras do presidente

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

No dia 25 de agosto, o Conselho Regional de Odontologia do Distrito Federal (CRO-DF) celebra 56 anos de atuação. O cirurgião-dentista Marco Antônio dos Santos, presidente do Conselho, realizou um balanço do último biênio desta gestão, que foi compartilhado nesta entrevista.

De acordo com Marco Antônio, uma das principais conquistas desta gestão foi o aprimoramento das atividades on-line, principalmente as audiências de conciliação e os julgamentos, bem como as reuniões plenárias. Houve um ganho em agilidade e aquisições tecnológicas impulsionadas pela pandemia.

A atual gestão tem se empenhado na elaboração de estratégias para ampliar a percepção do cidadão de como a sociedade se beneficia da atuação do Conselho. Estas passam pela melhoria e ampliação dos canais de comunicação, que favorecem a inscrição de novos profissionais com maior rapidez, pelo registro de especializações, pela realização de denúncias, pela abertura de processos éticos, bem como pelo acompanhamento deles e pela melhoria dos fluxos de trabalho, dos processos internos, da infraestrutura de fiscalização e comunicação com os públicos de interesse da autarquia por intermédio dos diversos meios de comunicação que o Conselho utiliza.

“Como órgão público, estamos aqui para a defesa da sociedade. A população pode ter a segurança de pesquisar não só em nosso site, mas também nos ligando para ter conhecimento sobre aquele profissional que a está atendendo. O órgão foi criado para a defesa dessa sociedade para que ela se sinta segura durante o procedimento que está sendo feito”, afirma o presidente.

Os números dos relatórios de gestão do presente ano demonstram o resultado dessas ações. Por exemplo, o setor de fiscalização já está bem próximo de conseguir alcançar a meta estabelecida pelo Conselho Federal de Odontologia de aumentar em 40% o número de fiscalizações no ano de 2022.  Até o momento, foram realizadas 3.488 fiscalizações proativas e 148 reativas.

Faz parte desta interlocução permanente com a sociedade o trabalho educativo de palestras e a orientação dos futuros profissionais de Odontologia. São frequentes as falas direcionadas aos estudantes dentro das universidades, com foco na orientação em relação aos cuidados que se deve ter durante o atendimento ao paciente e à ética da profissão. Tudo isso é supervisionado pela Comissão de Ética do CRO-DF.

CONTINUE LENDO

BLOG

Mas afinal, o que é a Varíola dos Macacos?

A Comissão de Biossegurança do CRO-DF alerta sobre a Monkeypox Saiba mais Você sabia que as práticas odontológicas podem ajudar no controle e na redução

Agendamento de Atendimento Presencial.

Escolha o local do agendamento abaixo: